Viagens de trem no exterior são tendências para 2020

Viagens de trem no exterior são tendências para 2020

Há quem ame aeroporto e há quem não suba em avião. Há quem adore uma estrada e quem não goste de perder tempo nelas. Existem diferentes formas de viajar e, entre elas, o trem. Cada vez mais, apreciar vistas panorâmicas em vagões modernos e com serviços de bordo de qualidade tem se tornado popular entre os turistas. Por isso, viajar de trem é uma das maiores tendências do setor de turismo para este ano.

Seja para destinos com estrutura ferroviária já consolidada, como a Suíça, ou outras menos populares e que têm se reinventado, a agência brasileira Trains & Tours Lufthansa City Center conhece as melhores opções por todo o mundo e oferece pacotes personalizados a todos os tipos de público.

O aumento da popularidade dos trilhos tem movimentado o mercado. Empresas na França e na Alemanha, por exemplo, trabalham para aumentar a capacidade de operação e reduzir os valores dos bilhetes. Especialistas da indústria apontam, inclusive, que viajar de trem em alguns locais será mais barato do que companhias aéreas low cost em 2021.

A procura por este charmoso meio de transporte tem crescido também entre as viagens com roteiros elaborados que utilizam o trem como transporte e até mesmo como hospedagem. Percorrer as cidades da Europa, como Budapeste, Viena e Praga, por exemplo, fazendo paradas estratégicas e contando com guia especializado, passeios incluídos e hospedagem de quatro ou cinco estrelas são facilidades oferecidas pela Trains & Tours Lufthansa City Center.

Na Suíça, os trens são o mais eficiente meio de transporte. A experiência pelas rotas panorâmicas do país, como a Glacier Express e o Chocolate Train, entram com toda a certeza para a lista de viagens inesquecíveis.

Junto da eficácia e rapidez, outra vantagem de embarcar nos vagões é a grande oportunidade de conhecer detalhes dos países e explorar áreas maiores. Em roteiro de 9 dias, por exemplo, os turistas combinam paradas nas agitadas Amsterdã, Bruxelas e Paris, com tempo para apreciar o encanto quase mágico das pequenas vilas e campos que acompanham os trilhos na Holanda, Bélgica e França, respectivamente.

A agência tem ainda pacotes para descobrir o norte da Espanha a bordo do Expreso de La Robla, transporte de época do lado de fora, mas moderno e luxuoso do lado de dentro. O trem, que vai de León a Bilbao em três dias, tem pub, bar, serviço de cabine e refeições com o melhor da culinária espanhola.

Com estações bem localizadas, os trens são opções práticas de locomoção também em Portugal e a rota entre Lisboa e Porto é a mais popular. Já na Itália, seja em trens de alta velocidade ou regionais, os trechos mais buscados levam turistas de norte a sul pelas encantadoras Milão, Florença, Roma, Nápoles e Veneza.

No Canadá, a modalidade é perfeita para não perder nenhum detalhe da paisagem exuberante dos lagos e das montanhas cobertas de neve. Pacotes da empresa incluem trajetos entre Toronto, Ottawa e Quebec. Ou ainda um roteiro de 9 dias em caminho de tirar o fôlego entre Edmonton, Vancouver e Whistler.

Volta ao Mundo de Trem

E, aos viajantes profissionais, nada melhor do que dar a volta ao mundo sobre trilhos. A Trains & Tours Lufthansa City Center se prepara para mais uma vez percorrer aproximadamente 16 mil quilômetros e cruzar três continentes. Ao todo, a “Volta ao Mundo de Trem” passará por 14 cidades e terá guia acompanhante brasileiro durante todo o trajeto. A aventura dura 24 dias, parte em 15 de agosto de Toronto, no Canadá, e termina em 6 de setembro, em Moscou, na Rússia. Entre as famosas ferrovias, passa pela Transiberiana, malha que registrou aumento de 23% em turismo em 2018.

Mais informações em: www.voltaaomundodetrem.com.br

Texto por: Agência com edição de Patrícia Chemin

Foto destaque por: Divulgação / CLAUDE_ROBIDOUX

Outros textos como este podem ser encontrados aqui: http://ikiviagem.com/

Follow by Email
Facebook
YouTube
Instagram