Palácio Tangará promove exposição em homenagem a Ayrton Senna

Palácio Tangará promove exposição em homenagem a Ayrton Senna

Considerado um dos maiores ídolos do esporte mundial, Ayrton Senna receberá uma importante homenagem a partir da próxima semana, a do GP do Brasil de F1. Na quinta-feira (14), em São Paulo, será inaugurada a exposição “Ayrton Senna: O Piloto”, com obras do artista Sami Akl e objetos que marcaram a trajetória do piloto, no Palácio Tangará, primeiro hotel masterpiece da Oetker Collection na América Latina. A exposição é parte de um projeto que transforma as áreas comuns do hotel em uma galeria de arte e marca o início de uma parceria entre o Palácio Tangará e o Instituto Ayrton Senna, neste ano em que se completam 25 anos de da fundação do Instituto Ayrton Senna e da continuidade do trabalho social iniciado pelo piloto.

Além dos 15 quadros pintados por Sami, inspirados em imagens icônicas e especialmente selecionadas pela família do piloto, a mostra ainda vai estrear com a presença de itens históricos que marcaram a carreira do piloto tricampeão mundial de F1 e que estão retratados por Sami, tornando-se assim uma mostra tridimensional e trazendo ao público a possibilidade de se aproximar ainda mais de Ayrton, tornando realidade aquilo que até então estava apenas no imaginário imortalizado pelas obras de Sami.

Os itens apresentados serão todos originais e alguns inéditos, entre capacetes de corridas especiais (1984, 1985, 1987 e 1993), quatro troféus (três da F1 e o primeiro de sua vida, o de kart), um macacão (Lotus 1987) e uma estátua em aço, além de outros objetos que foram usados por Ayrton Senna ao longo de sua trajetória. Dois simuladores de F1 ainda estarão no evento de lançamento da exposição.

A exposição “Ayrton Senna: O Piloto”, será a primeira ação dessa parceria especial firmada entre Palácio Tangará e Instituto Ayrton Senna. Parte da receita obtida com a venda das obras será doada à organização, fundada 1994 pela família Senna com o objetivo de ajudar a transformar a educação pública do País. Ao longo de seus 25 anos de atuação, o Instituto já beneficiou mais de 26 milhões de estudantes e 230 mil educadores.

A parceria também irá possibilitar a hóspedes do hotel contribuírem com a causa. A partir de agora, eles terão a opção de destinar parte do valor das diárias a projetos educacionais implementados pelo Instituto em diversos estados e municípios brasileiros. Empresas que alugarem o espaço do hotel para a realização de eventos também poderão repassar parte do valor a iniciativas do Instituto.

O artista Sami Akl doará três dos seus quadros sobre o piloto para o Instituto Ayrton Senna. Caso as obras sejam vendidas durante a exposição, o recurso entrará como doação do comprador ao próprio Instituto.

Mais Informações:  www.palaciotangara.com.br

Texto por Agência com edição de Carolina Berlato

Imagem Destacada via Divulgação

Follow by Email
Facebook
YouTube
Instagram